Tecnologia

Site para a sua indústria: saiba como criar um

Se sua indústria não estiver na internet, não será vista. Os consumidores recorrem à Internet para tudo, desde pesquisa de produtos como conectores elétricos até a localização e horário de funcionamento de uma loja. 

Mesmo que seja apenas um site simples, mas bem projetado, pode oferecer uma vantagem e abrir novos mercados para a expansão de seus negócios.

Os softwares de design de sites evoluíram e, atualmente, qualquer pessoa pode usar. Não há necessidade de saber linguagens de programação, por exemplo. Então, para saber melhor sobre o tema e colocá-lo em prática, vem com a gente!

Determine o objetivo principal do seu site

Um site para a indústria, geralmente, serve como um espaço onde informações gerais são fornecidas. Por isso, a coisa mais importante que deve fazer é dizer, logo de cara, o que sua marca faz. 

Não faça os clientes procurarem por vários minutos para descobrirem um tópico tão simples. No fim das contas, há grande probabilidade dele sair antes na primeira dificuldade que tiver. 

Site para a sua indústria: saiba como criar um

Decide seu nome de domínio.

Seu nome de domínio é um dos recursos mais importantes. É isso que você compartilhará com seus clientes e promoverá nas redes sociais. Portanto, ache um que seja fácil de lembrar e digitar. Por exemplo, se gere uma empresa de Luminária de emergência, que tal www.marcaluminariadeemergencia.com.br?

Você também precisa decidir seu domínio. Este é o sufixo no final como .com, .net, .com.br ou .biz. 

Os nomes não tradicionais cresceram nos últimos anos. E podem ser baseados em localização, como .nyc, ou tipo de negócio, como .marketing, .onl ou .space. Embora possam ser descritivos, .com.br ainda é o mais usado, ao menos aqui em terras brasileiras. 

Site para a sua indústria: saiba como criar um

Escolha um servidor

Todo site precisa de um servidor onde todos os seus dados são armazenados para o público acessar quando e onde quiser. Por exemplo, quando escrever um texto sobre catalisador para tinta, as fotos e todo o resto será colocado no servidor de sua preferência.

Hospedar seu próprio site, provavelmente, é uma despesa muito grande para sua pequena empresa, portanto, precisará selecionar um host externo.

Dentro disso, há várias opções a serem levantadas, tais como: um host compartilhado, que é a opção mais barata e significa que você compartilhará um servidor com outros sites. 

Bem como a hospedagem dedicada, que tem custo significativamente mais alto, mas significa que obterá seu próprio servidor e não terá que competir com concorrentes ou qualquer outro endereço que diminua sua velocidade. 

Algumas plataformas como o WordPress e o Wix, incluem pacotes mensais. Sendo assim, vale ficar atento a todas estas oportunidades e saber qual delas cabe no seu bolso.

Agora é hora de tirar as ideias do papel, buscar um layout com design agradável e partir para a construção do seu endereço. Mas, se tem como investir, contrate um profissional, pois, desta forma, terá várias perspectivas únicas e um bom ranqueamento nos mecanismos de busca.

Esperamos ter ajudado com essa postagem, caso tenha gostado, comente e compartilhe em suas redes sociais.

Conteúdo produzido pela equipe do Soluções Industriais.

Leave a Reply

Your email address will not be published.